PUBLICIDADE

terça-feira, 16 de julho de 2013

A IMPORTÂNCIA DOS CUIDADOS COM A CRIANÇA NA PRÁTICA DE ESPORTES

Milhões de crianças participam de esportes organizados, atividades que são importantes para seu desenvolvimento físico e social. Enquanto os esportes podem colocar as crianças em situações de risco, a maioria desses episódios pode ser evitada se os participantes, seus pais e treinadores prestarem atenção a algumas medidas de segurança confiáveis.

Em uma matéria publicada pelo "New York Times" em maio, o jornalista esportivo Bill Pennington observou que, embora muita atenção esteja agora voltada para...
concussões, há mais perigos mortais – parada cardíaca súbita e derrame – que as crianças ativas, os pais e os treinadores deveriam conhecer e fazer mais para evitá-los.

Lesões menos sérias, mas mais debilitantes, podem, frequentemente, ser evitadas seguindo diretrizes desenvolvidas por organizações como a Associação Nacional de Treinadores de Atletismo, a Aliança Nacional dos Esportes da Juventude e a Aliança de Segurança nos Esportes da Juventude.

As crianças não deveriam precisar pagar um preço doloroso, e algumas vezes mortal, por fazer o que é bom para elas. Os riscos podem ser minimizados quando elas têm equipamento próprio, um ambiente seguro onde jogar e acesso a profissionais da saúde que sabem quando e como intervir.

Se seu filho joga algum esporte organizado como futebol, futebol americano ou basquete, ou participa como chefe de torcida ou na banda, os conselhos dos especialistas podem ajudar a prevenir lesões sérias em potencial. Muito é baseado nas dicas de segurança publicadas em maio pela associação dos treinadores de atletismo.

Fundamental. De qualquer forma, a principal dica é nunca forçar a criança a participar de um esporte que ela não queira. Crianças devem estar preparadas física e psicologicamente para participar. Então, é recomendável um exame médico feito por alguém que entenda os possíveis riscos e como evitá-los. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...