PUBLICIDADE

sexta-feira, 26 de abril de 2013

O BRASIL A 50 DIAS DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES


A contagem regressiva indica: faltam 50 dias para a Copa das Confederações da FIFA 2013, que será realizada de 15 a 30 de junho. Nas seis sedes, a proximidade do megaevento é cada vez mais concreta. Belo Horizonte, Fortaleza e Salvador já inauguraram as arenas. Os torcedores aos poucos se familiarizam com as arquibancadas de Mineirão, Castelão e Fonte Nova. Neles, já houve disputas de campeonatos regionais e, no caso da capital mineira, também um amistoso com a Seleção Brasileira em campo.

Expressão comum para os três é “evento-teste”. O Comitê Organizador Local (COL) já testou cinco áreas operacionais no Castelão, no jogo Fortaleza x Ceará de 14 de abril, e outras 14 no Mineirão, durante a partida Brasil x Chile da última quarta-feira, dia 24. Em Salvador, sete áreas serão observadas no próximo domingo (28.08) em mais um clássico regional, entre Vitória e Bahia.

Enquanto isso, em Pernambuco, a torcida vive a expectativa de ocupação dos assentos da nova arena. Entregue ao COL em 14 de abril, o estádio construído em São Lourenço da Mata, na região metropolitana do Recife, já abriu as portas à visitação pública. No dia 22 de maio será realizado o primeiro jogo profissional: um amistoso entre Náutico e um time que ainda será divulgado.  A ocasião será o evento-teste oficial do estádio. Uma semana antes, no dia 14, operários farão uma partida no novo campo.

No Rio de Janeiro, o Maracanã reformado será entregue neste sábado (27.04). Uma partida entre os amigos dos ex-jogadores Bebeto e Ronaldo vai inaugurar o campo no mesmo dia. Mas o grande desafio para o palco da final da Copa das Confederações será em 2 de junho, com o amistoso entre Brasil x Inglaterra.

Quando o torneio dos campeões começar em 15 de junho com a partida entre Brasil e Japão, as atenções estarão voltadas para a capital federal. O Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, sede da abertura, terá o gramado plantado nos próximos dias. Plantado numa fazenda em Sergipe, ele está sendo transportado em carretas refrigeradas. A arena seria entregue em 21 de abril, mas houve um adiamento para 18 de maio, quando receberá também a final do campeonato local. Uma semana depois, no dia 26, Santos e Flamengo farão a abertura do Brasileirão no novo estádio, enquanto o COL testará equipes, equipamentos e serviços.

Planejamento operacional


As seis cidades que vão receber os jogos da Copa das Confederações já realizaram encontros de planejamento operacional. Representantes de governo, do COL e especialistas de diversas áreas – energia, telecomunicações, segurança, cultura, aviação, transporte e mobilidade discutiram de forma prática o andamento dos trabalhos, definiram atitudes essenciais para a realização dos planos e alinharam as ações para o megaevento em Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro e Salvador.

O esquema operacional dos aeroportos, por exemplo, já está definido. O planejamento do setor de Aviação Civil para a competição foi anunciado em 18 de abril e inclui um plano geral, que cuida do espaço aéreo, das vagas para aeronaves e  do funcionamento dos aeroportos.

Nesse contexto, foram estipulados os procedimentos para recepcionar os diferentes públicos que vão passar pelos terminais, como chefes de Estado, delegações e seleções de futebol, comissão de arbitragem e espectadores. O manual foi desenvolvido a partir dos dados coletados sobre a venda de ingressos para os jogos da competição.

4G nas seis sedes


Os investimentos na melhoria da infraestrutura de comunicação estão entre as ações em curso. A tecnologia 4G já está comercialmente disponível nas seis sedes do torneio. O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, informou, na última quarta-feira (24.04), que a Telebras construiu as redes que vão dar suporte à tecnologia nos  seis estádios, concentrações das Seleções de futebol e centros de imprensa. Além disso, a Anatel fez acordo com as operadoras para garantir a cobertura de internet dentro das arenas. 

O ministro também divulgou que Infraero e operadoras de telefonia fizeram os acertos para instalar mais antenas e ampliar a cobertura de internet 3G e 4G nos aeroportos. A previsão é que as melhorias já sejam percebidas pelos usuários durante a competição.
Segurança

Em dias de jogos da Copa das Confederações, todo o efetivo de segurança pública em cada cidade-sede será mobilizado, de acordo com a Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos (Sesge), do Ministério da Justiça.

O planejamento inclui cerca de 3 mil homens trabalhando no local das partidas e nos arredores. Eles vão atuar em áreas específicas para profissionais de segurança pública, sempre de forma integrada com os seguranças privados contratados pelo COL. O comitê estima que, em cada estádio, serão empregados cerca de 2 mil homens, entre seguranças patrimoniais e stewards, agentes que mesclam a função de vigilantes com a de orientadores de público.

Cada sede terá ainda uma força de contingência militar, para pronta-resposta em caso de incidentes. A defesa aeroespacial e marítima será reforçada e as fronteiras serão alvo de extensa operação durante o mês de maio, para coibir crimes e dar mais segurança para a Copa das Confederações, como ressaltou a presidenta Dilma Rousseff na coluna semanal “Conversa com a presidenta” da última terça-feira (23.04).

Bola rolando


As seleções que estarão em campo reúnem nada menos que 12 títulos mundiais. São cinco do Brasil, quatro da Itália, dois do Uruguai e um da Espanha. Completam a lista de participantes México, Japão, Nigéria e Taiti. O Grupo A tem Brasil, México, Japão e Itália. No Grupo B estão Espanha, Uruguai, Nigéria e Taiti. As equipes jogam em turno único dentro da chave. Os dois melhores de cada grupo se classificam para as semifinais.

 Fonte: Carol Delmazo - Portal da Copa
Ascom - Ministério do Esporte
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...